Parceiros e Afiliados
RPGs Parceiros
Afiliados em Geral

[FP] Bess Neliel Vengeance - Medibruxo Analista

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FP] Bess Neliel Vengeance - Medibruxo Analista

Mensagem por Bess Neliel Vengeance em Qui 08 Out 2015, 23:40

BESS NELIEL VENGEANCE
MEDIBRUXO ANALISTA
EMMA STONE
NENHUMA
HUMANO
HOGWARTS
SONSERINA

História do Personagem
 > Eu sou Bess Neliel Vengeance e eis aqui a minha história. Nasci no ano de 1999, mais precisamente no dia 21 do mês de Julho. Meus pais eram de origem Italiana, mas por alguma razão quando Margaret estava grávida decidiram viajar para Bagdá, então foi lá que eu nasci, em uma casa pequena de barro em Bagdá.
Quando tinha um ano de idade, mamãe tem mais uma menina cujo nome é Lola, que futuramente não seria apenas uma irmã, mais sim também uma grande amiga. Com oito anos já mostrava que era uma pessoa inteligente, mesmo não gostando de estudar, pois mostrava um grande talento em musica e já sabia falar três idiomas além do seu próprio idioma. 
Quando completei onze anos além de ter ingressado em Hogwarts, algo aconteceu que mudou toda a minha vida. Minha mãe falecera devido a uma doença extremamente rara e na época o saint mungus não havia muitos recursos e quando finalmente conseguiram diagnosticar a sua doença já era tarde demais. Não fiquei com raiva, mas o que aconteceu fez com que eu estudasse arduamente, mesmo estando na Sonserina, para que no futuro entrasse para a equipe Saint Mungus.
Mesmo tendo estudado durante meus sete anos em Hogwarts especificamente para esse propósito, quando me formei acabei por não seguir esse sonho trabalhando na própria Hogwarts como professora de Camuflagem Transfigurativa. Fiz isso para ficar perto de Lola, pois nosso pai acabara de falecer. Foi nessa época que conheci Pietro, meu ex-marido. Dele tive dois filhos, gêmeos não-idênticos. Depois de 2 anos nosso casamento foi destruido por causa do seu trabalho, mas ainda hoje temos uma relação amigável, como grandes amigos. Depois de anos um tempo percebi que não adiantava correr atrás de algo que não era seu sonho, então eu finalmente tomei a decisão de deixar Hogwarts.
Após passar pelos portões do castelo, viajei por alguns países buscando conhecimentos sobre plantas venenosas, doenças, feitiços ofensivos, magia das trevas, poções e azarações que não estavam nos livros acessíveis de Hogwarts. Foi assim que decidi me especializar em Medibruxo Analista de Diagnósticos Desafiadores e trabalhar junto com Lisbeth von Wittelsbach.

Características Psicológicas
 > Sou uma mulher que vivi por trinta e oito anos e nesses anos eu perdi pessoas e fui machucada por outras, por isso não posso afirmar que nunca tive problemas psicológicos, pois se dissesse isso estaria mentindo. Não sou uma pessoa louca, mas tive problemas relacionados a depressão e crises de pânico. Hoje posso dizer que estou meio que curada, afinal além de poções também tenho meus filhos que são uma grande alegria, mas ainda tenho algumas sequelas como: Ansiedade, não suportar ficar sozinha e um vicio por chocolate que adquiri quando tinha depressão. Fora isso, sou uma mulher alegre e espontânea, que gosta de expor suas opiniões, mas que não o faz sem se importar com a opinião de outros. Também sou um tanto ambiciosa, mas é mais comigo mesma, sempre buscando me tornar melhor e nunca satisfeita.

Narração de Cargo
 > Era um dia como qualquer outro, o sol raiva e as pessoas andavam felizes pelas ruas, não imaginando que em um prédio que parecia estar abandonado as coisas não estavam tão calmas assim. Esse prédio é o tão conhecido Saint Mungus. O prédio estava agitado e o motivo era que um bruxo havia entrado no prédio lançando feitiços por todos os lados. Ele foi logo parado por um dos Medibruxos ali no local, mas isso não impediu de se contorcer, como se não pudesse ser impedido de realizar o que queria.
Tudo estava estranho, seus movimentos, a forma como agiu sem pensar... mas o que mais chamou a atenção foi seu rosto, onde havia um grande sorriso bobo de prazer estampado. Eram características de uma pessoa que havia sido amaldiçoado com Imperius, mas após o ocorrido na época de Lord Voldemort, não podiámos entregá-lo para julgamento antes de ter certeza, já que das maldições a Imperius fora a que mais enganava.
Por essa razão eu e Lisbeth nos reunimos na sala que ficava no setor de diagnóstico junto com o bruxo louco para tentarmos achar a causa daquele comportamento, se era por Imperius, algum outro feitiço ou poção desconhecida, doença ou se era por própria vontade.
Antes de tudo tinhamos que ver se era Imperius, pois se não fosse por Imperius ou por que ele mesmo queria fazer aquilo, teríamos que encaminhá-lo ou para a Ala de Doenças Mágicas ou para a Ala de Danos Causados por Magia. Não adiantava perguntar quem era nem se estava sob maldição, o Ministério havia sido enganado a décadas por alguns Comensais da Morte que disseram estar sobre Maldição Imperius, mas foi só o Lord Voldemort voltar para mostrarem que estavam mentindo. Mesmo assim pergunto:
- Qual seu nome? - Recebo apenas um grunido como resposta. Me afasto dele e me aproximo de Lisbeth.
Antes de fazer qualquer coisa, discutimos o que é Imperius. É um controle de corpo. Sua consciência continua ali, mas seu corpo não obedece a sua mente e sim a de quem lançou tal feitiço. Por essa razão, qualquer dano que seu corpo sofrer, a consciência sofrerá a dor, mas não conseguirá mostrar que sentiu essa dor com seu corpo. Se esse homem na nossa frente estiver sob Imperius, poderia lhe ferir dolorosamente e ele não moveria um músculo sequer.
Uma das funções dos Medibruxos Analistas eram usar tudo ao seu alcance para chegar num diagnóstico, ou seja, até mesmo usar um método não-ortodoxo como o Sectumsempra.
Por isso ergo minha varinha e pronuncio:
-Sectumsempra.
Vários cortes aparecem ao longo do seu corpo e começam a empapar suas roupas de sangue, mas em seu rosto não havia nenhuma mudança, apenas aquele mesmo sorriso... não sentira dor alguma. Se fosse uma doença ou qualquer outro feitiço teria sentido dor. Só podia ser Imperius e agora não estava mais em nossas mãos essa pessoa e sim do Ministério da Magia que teria de encontrar quem foi que lançou o encantamento.
Aponto minha varinha novamente e canto o feitiço:
- Vulnera Sanentur.
O sangue volta para o corpo do homem e as feridas cicatrizam, pouco antes dos guardas do Ministério entrarem dentro da sala.
@ RPG HOGWARTS MW 2010-2015
Bess Neliel Vengeance
avatar
Varinha : Espinheiro-Negro, Pelo de Acromântula, 33 cm, Inflexível


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FP] Bess Neliel Vengeance - Medibruxo Analista

Mensagem por The Flying Dutchman em Sex 30 Out 2015, 20:41

Ficha Aceita!
The Flying Dutchman
avatar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum